Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Crepúsculo

Crepúsculos de Outono

Imagem
  Fique à vontade. Escolha uma porta ou qualquer fenestra e trave dialética com a natureza.   Crepúsculo de Outono é uma carta que diz:  desfaça-se das folhas secas e descame sua epiderme, ainda que à revelia.   Tal fulgor De inebriante cor laranja, Rasga frações introspectas, Com conceitos exilados valores diversos, indagações e possibilidades. Afirma mutações, reconhece e alcança dons. Tange capacidades.   Essa imersão em seu próprio mundo, legitima reflexão e autoconhecimento. Reorganiza pessoas, coisas,  e despe dileção por sua verdadeira, única e irretocável essência.

NOSSOS CREPÚSCULOS

Imagem
Crepúsculo, em uma linguagem metafórica, significa a busca da própria identidade. É quando aprendemos a diferenciar o que é inerente ao nosso espírito e o que não é.  Quando percebemos, que é uma ilusão tentar ser aquilo que os outros esperam de nós. Reconhecemos, então, que só seremos felizes quando conseguirmos manifestar nossas potencialidades. É através dos relacionamentos com as pessoas e coisas, que podemos descobrir quem somos nós.  Mudanças de ambiente, oferecem oportunidades para revelar matizes que, até então, desconhecíamos. Pessoas novas, representam desafios para nós, pois afirmam ideias e  valores diversos, nos obrigando ao exercício da reflexão. Ficamos mais a vontade para SER. É na introspecção que encontramos a essência de nossa alma, alcançando uma legítima forma de expressão.   Em síntese, o Crepúsculo mostra o momento do encontro consigo mesmo, no sentido de identificar, descobrir os seus dons, as suas capacidades, o seu jeito, a sua verdadeira ESSÊNCIA. É a