Mostrando postagens com marcador saudades. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador saudades. Mostrar todas as postagens

29 de maio de 2017

Observatório

Ruíram paredes ao meu redor
Luzes se apagaram
E me encontrei

 Tao despretensioso
E relevante
Um observatório permanente.
Fragmentos  de telhas quebradas
Deixam  a água inundar meus pensamentos

Esqueça os trampolins para mudar as fases
Coisas que ficaram para trás
Beijos roubados , amores perdidos
Encontros de elevador
Monólogos num porão gelado.
Talvez , as chances do acaso,
Aconteçam tão de perto
Como o espaço mágico de um  abraço .



De Stella Para Romilce

 Na mesa estavam: papai, mamãe, vovô e vovó. Depois de vários dias e muitos nomes, restaram apenas dois nomes para escolherem: Carla ou Stel...